Todos temos a tendência de adiar ao máximo o que deve ser feito. A situação da tecnologia da informação nas empresas não é diferente, até porque faz pouco tempo que se estabeleceu a importância do departamento de TI.

E ainda se tem muitas questões, como: qual o momento certo para investir em TI? Como devo investir? Quais profissionais são os mais indicados? Que benefícios trará para a minha empresa?

Durante muito tempo, a tecnologia da informação nas empresas não passava de um setor de apoio, sem muita autonomia e que aparentemente não gerava nenhum retorno para a empresa. Os serviços de tecnologia da informação foram crescendo dentro da empresa. Passaram, além de auxiliar na automatização de serviços, a realizar outras atividades como a quebra das barreiras de comunicação entre departamentos e agora o setor é visto como atuante no crescimento organizacional, redução de custos e melhora nos lucros.

Empresas que trabalham com serviços financeiros, como bancos e seguradoras, sempre viram com outros olhos e já reconheciam a importância da TI para seus negócios. Nesse setor ela é fundamental, porque a maioria dos serviços ofertados para os clientes estão ligados à tecnologia: cartão magnético, internet banking, caixas eletrônicos, entre outros serviços.

Com o passar dos anos, outras empresas começaram a sentir a necessidade de terem suas informações armazenadas de forma segura, organizadas e de fácil acesso a quem delas precisa fazer uso. Isso tudo contribuiu para agregar valor ao produto comercializado, também melhora o processo de decisões, tão importante para a sobrevivência da empresa no mercado competitivo como hoje.

tecnologia da informação nas empresas sozinha não possui poder suficiente para trazer lucro de forma direta. Para que ela apresente resultados expressivos, é necessário que o setor esteja integrado na estratégia de negócio, sendo assim, os investimentos na área de tecnologia da informação precisam estar ligados ao objetivo da empresa, contribuindo para que ela alcance suas metas.

A TI pode ser um ponto decisivo para o sucesso ou fracasso de uma empresa. A partir de seu desempenho, ela pode se tornar mais forte, mais rápida e mais flexível. Com o propósito de conseguir esses resultados, é imprescindível dividir o objetivo principal da empresa em metas menores para poder acompanhar as iniciativas da TI que melhor e mais contribuem para a empresa. A chave do sucesso é alinhar estratégia e tecnologia da informação, direcionando o investimento em tecnologia em todos os setores da empresa, principalmente os mais atuantes para determinado objetivo.

Todos os colaboradores da empresa devem conhecer a estratégia de mercado, além de poder mensurar o quanto a tecnologia da informação nas empresas passou a ser importante para a sobrevivência das operações. Essa visão dos estrategistas é a continuação do trabalho antigo, dos funcionários das empresas ligadas a serviços financeiros. Eles foram os pioneiros a alcançar um patamar onde poucas empresas ainda conseguiram chegar.

tecnologia da informação nas empresas passa a ser essencial quando a empresa se vê obrigada a acelerar seus processos produtivos, a construção de um servidor para administrar todo o fluxo de dados gerados em todas as operações e, finalmente, quando não mais seja possível continuar as operações de forma arcaica e lenta.